Os Trabalhadores da FNAC Não Aceitam a Imposição do Gozo de Férias

O Grupo FNAC emitiu um comunicado interno no qual pretende impor o período de gozo de férias, que vá ao encontro do interesse exclusivo da empresa, impedindo a marcação de férias aos trabalhadores no mês de Agosto e no natal.

O CESP alerta os trabalhadores que a marcação das férias é feita por acordo entre o empregador e o trabalhador e este direito deve ser um exercício de modo a proporcionar ao trabalhador a recuperação física e psíquica, condição de disponibilidade pessoal, integração na vida familiar e participação social e cultural.

Leia aqui o comunicado.

Está em... Home Acção Reivindicativa Os Trabalhadores da FNAC Não Aceitam a Imposição do Gozo de Férias