Organizações

MANIFESTAÇÃO DE JOVENS TRABALHADORES - NÃO A UM FUTURO DE PRECARIEDADE! EXIGIMOS ESTABILIDADE!

MANIFESTAÇÃO DE JOVENS TRABALHADORES - NÃO A UM FUTURO DE PRECARIEDADE! EXIGIMOS ESTABILIDADE!Sob o mote "Basta! Não a um futuro de Precariedade! Exigimos Estabilidade!" jovens trabalhadores, mobilizados pela Interjovem/CGTP-IN, saíram à rua para participar na Manifestação Nacional da Juventude, em Lisboa. Esta manifestação que juntou, esta tarde, milhares de jovens vindos de diversos pontos do país, teve início no Largo do Camões e terminou numa empolgante concentração em frente à Assembleia da República.

O Secretário-geral da CGTP-IN, Arménio Carlos, disse na sua intervenção que a precariedade é "assédio moral" e "tortura psicológica" e "um vírus que corrói as famílias e a própria sociedade". Pediu "a revogação de normas gravosas dos últimos quatro anos que facilitaram os despedimentos e reduziram as indemnizações". Os manifestantes responderam com palavras de ordem como "queremos trabalhar, não queremos emigrar" ou "juventude está na rua, a luta continua". Foi já junto da Assembleia da República que aprovaram uma resolução na qual apelam à unidade dos jovens em torno da luta contra a precariedade, pela defesa do emprego e aumentos salariais, melhor política fiscal e a realização de um "grandioso 1.º de maio".

Ler mais: MANIFESTAÇÃO DE JOVENS TRABALHADORES - NÃO A UM FUTURO DE PRECARIEDADE! EXIGIMOS ESTABILIDADE!

28 DE MARÇO - DIA NACIONAL DA JUVENTUDE

MANIFESTAÇÃO NACIONAL DA JUVENTUDE TRABALHADORA - 31 DE MARÇO - 14H30 NO LARGO CAMÕESA Interjovem/CGTP-IN convocou para dia 31 de Março, pelas 14h30 no Largo Camões uma manifestação nacional que assinalará o Dia Nacional da Juventude. No dia 28 de Março de 1947, juntaram-se centenas de jovens num acampamento organizado pelo Movimento de Unidade Democrática Juvenil (MUD Juvenil), em Bela Mandil, no Algarve. Um dia de coragem e resistência dos jovens que, em plena ditadura fascista, resistiram à intimidação, repressão e violência de guardas armados da GNR e de agentes da PIDE que os obrigaram a suspender imediatamente as actividades de convívio que decorria (música tocada por músicos amadores, baile, comensalidade) e a retirarem-se sem delongas. Foi a luta destes jovens e do povo do nosso País que levou, após anos de resistência, à Revolução de Abril.

Ler mais: 28 DE MARÇO - DIA NACIONAL DA JUVENTUDE

MANIFESTAÇÃO NACIONAL DA JUVENTUDE TRABALHADORA - 31 DE MARÇO - 14H30 NO LARGO CAMÕES

MANIFESTAÇÃO NACIONAL DA JUVENTUDE TRABALHADORA - 31 DE MARÇO - 14H30 NO LARGO CAMÕESOs jovens trabalhadores são as vítimas maiores da politica de direita e, por isso, é preciso afirmar as suas reivindicações, designadamente, exigir medidas legislativas de combate eficaz à precariedade laboral e à resolução de outros problemas concretos que afectam as suas vidas, bem como reclamar uma mudança efectiva de politica para um Portugal com futuro! No dia 31 de Março vamos comemorar o DIA NACIONAL DA JUVENTUDE com uma concentração de JOVENS TRABALHADORES, em Lisboa, às 14:30 horas, no Largo de Camões, a que se seguirá uma grande MANIFESTAÇÃO que terminará junto à Assembleia da República.

Ler documento aos jovens trabalhadores.

CGTP-IN ASSINALA O DIA INTERNACIONAL DA MULHER EM LISBOA E POR TODO PAÍS

CGTP-IN ASSINALA O DIA INTERNACIONAL DA MULHER EM LISBOA E POR TODO PAÍS

No dia 8 de Março a Comissão Distrital de Mulheres da União dos Sindicatos de Lisboa, realizou uma Marcha no âmbito das comemorações do Dia Internacional da Mulher, sob o lema, "Afirmar a Igualdade cumprir a Constituição". O Dia Internacional da Mulher foi assinalado, através de um percurso que teve paragens por alguns locais de trabalho, organismos e unidades de saúde, procurando em cada um deles alertar e denunciar questões concretas associados à vida das Mulheres trabalhadoras no distrito de Lisboa. 

Ler resolução aprovada na marcha de Lisboa.

Ler mais: CGTP-IN ASSINALA O DIA INTERNACIONAL DA MULHER EM LISBOA E POR TODO PAÍS

MARCHA PELO CAMINHO DA IGUALDADE - 8 DE MARÇO - DIA INTERNACIONAL DA MULHER

MARCHA PELO CAMINHO DA IGUALDADE - 8 DE MARÇO - DIA INTERNACIONAL DA MULHERA Comissão de Igualdade entre Mulheres e Homens, organização específica da CGTP-IN, e a União dos Sindicatos de Lisboa, vão realizar este ano, no âmbito das comemorações deste dia, uma marcha pelo caminho da igualdade. Esta marcha terá início às 14 horas na Maternidade Alfredo Costa e culminará junto ao Ministério do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social. Ao longo do percurso vão ser feitas paragens em diversos locais de trabalho. Desde os finais do século XIX, irromperam lutas e greves de mulheres contra os horários de 16 horas diárias e salários de miséria nas fábricas, pelo direito de voto, pela melhoria das condições de vida e de trabalho, pela igualdade e o fim das discriminações.

Ler documento a distribuir aos trabalhadores; ver cartaz do Dia Internacional da Mulher.

Ler mais: MARCHA PELO CAMINHO DA IGUALDADE - 8 DE MARÇO - DIA INTERNACIONAL DA MULHER

INTERJOVEM LISBOA DIVULGA O CONGRESSO JUNTO DOS JOVENS TRABALHADORES DO DISTRITO

XIII_congresso_cgtp_inter_jovemA Interjovem/Lisboa vai divulgar junto dos Jovens Trabalhadores do Distrito o XIII Congresso da CGTP-IN que se realiza dia 26 e 27 de Fevereiro em Almada. A CGTP-IN, como maior organização social do País, conta com muitos jovens trabalhadores delegados e dirigentes sindicais, a intervenção dos sindicatos da CGTP-IN tem-se reforçado junto da juventude, e tem sido essa intervenção que tem conquistado a estabilidade e transformando vínculos precários em vínculos efectivos. A Interjovem, organização de Jovens da CGTP-IN sabe que é essencial a participação dos jovens trabalhadores nos seus sindicatos e na CGTP-IN, organizados, atentos, activos, para reivindicar e para conquistar, e irá divulgar o Congresso, assim como os príncipios e objectivos da CGTP-IN nos locais de trabalho com maior afluência de jovens trabalhadores.

Ler comunicado da Interjovem aos jovens trabalhadores.

COMEMORAÇÕES DOS 25 ANOS DA INTER-REFORMADOS.

25 anos IR NacionalNo passado dia 10 de Novembro a Inter-Reformados Nacional cumpriu o seu 25º aniversário, organização específica da CGTP-IN onde os reformados de todos os sectores de actividade discutem e preparam as lutas em defesa dos seus direitos. As comemorações dos 25 anos da Inter-Reformados Nacional, que hoje se realizam na Casa do Alentejo, em Lisboa, são o reconhecer e falar daqueles homens e mulheres que não se resignaram lutando toda a sua vida com grandes dificuldades pelas alterações de uma sociedade discriminatória que oprimia e matava aqueles que se opunham pela sua transformação.

Ler mais: COMEMORAÇÕES DOS 25 ANOS DA INTER-REFORMADOS.

1º DE MAIO DE 2015 - MANIFESTO AOS JOVENS TRABALHADORES!

1º DE MAIO DE 2015 - MANIFESTO AOS JOVENS TRABALHADORES!É gravíssima a realidade de milhares e milhares de jovens. Em pouco mais de 3 anos, cerca de 208 mil jovens trabalhadores viram os seus postos de trabalho destruídos, 48% dos jovens tem um vínculo de trabalho precário e o seu salário é menos em 30% comparado com o salário de um contrato efectivo, mais de meio milhão de jovens estão desempregados, nos últimos 4 anos foram obrigados a emigrar mais de 400 mil trabalhadores, na sua maioria jovens.
Este é o país real, longe da propaganda e demagogia que os protagonistas e apoiantes da política de direita, todos os diasm nos tentam enfiar pelos olhos adentro.
São muitas as razões para que os jovens e os trabalhadores em geral se sindicalizem, se organizem e continem a lutar por melhores condições de trabalho e de vida. Contra o desempregom a precariedade e a exploração e empobrecimento a que nos querem submeter.
Porque é imprescindível continuar a lutar, no 1º de Maio vamos todos ao Martim Moniz e à Almeda Dom Afonso Henriques, pelas 15 horas.

INTER-REFORMADOS-LISBOA COMEMORA O 41º ANIVERSÁRIO DA REVOLUÇÃO DE ABRIL!

INTER-REFORMADOS-LISBOA COMEMORA O 41º ANIVERSÁRIO DA REVOLUÇÃO DE ABRIL!A Inter-Reformados/Lisboa realizou no dia 16 de Abril, na Casa do Alentejo, o almoço comemorativo do 41º aniversário do 25 de Abril de 1974. Participaram no almoço/debate 150 reformados, como convidado para o debate com o tema «Defesa das Funções Sociais do Estado» contou-se com a participação do Dr. Silva Santos. No período da tarde, os presentes foram brindados com uma brilhante actuação do Grupo Roda e Salta, constituído por reformados dos Serviços Sociais da Administração Pública, no final da iniciativa foi servido um lanche para todos os presentes.