Mais Transportes Para Os Utentes Fim Do Lay-Off Para Os Trabalhadores

A União do Sindicatos de Lisboa, a FECTRANS e Comissões de Utentes, realizam no dia 24 de Junho um Concentração em frente à residência do 1º Ministro pelas 17h30.

A situação vivida na região de Lisboa, é preocupante num contexto de aumento de casos COVID 19, à qual acresce o facto de não se tomarem medidas para reforçar e melhorar os transportes públicos.

Considerando a importância do distanciamento social, como uma das medidas de saúde e segurança definidas pela DGS, os utentes dos transportes públicos vêem-se confrontados com uma oferta que não assegura o preconizado pelo Governo e pela DGS. Apesar da falta de oferta continuam na situação de lay-off milhares de trabalhadores das empresas privadas rodoviárias de passageiros, o que provoca uma diminuição inaceitável do número de autocarros em circulação.

Estas são algumas das razões de protesto dos utentes e dos trabalhadores! Uns porque são forçados a viajar em transportes sobrelotados; outros porque continuam com uma drástica redução dos seus salários e tudo isto, enquanto os grupos Barraqueiro/Arriva, Transdev e Arriva continuam a ser pagos como se estivessem a assegurar o serviço contratualizado antes da pandemia. Dito de outra forma, não efectuam os serviços a que estão obrigados com a conivência activa do governo.

Ler comunicado aqui.