GREVE DOS ENFERMEIROS NOS CENTROS DE SAÚDE DE LISBOA NORTE

GREVE DOS ENFERMEIROS NOS CENTROS DE SAÚDE DE LISBOA NORTEO Sindicato dos Enfermeiros Portugueses decretou greve no ACES Lisboa Norte, para o dia 16, reivindicando a admissão de mais enfermeiros. O SEP decretou greve para o dia 16 de Março e concentração, às 10h30, em frente ao Centro de Saúde de Sete Rios, seguida de dois meses de greve aos fins de semana e feriados.

Esta foi a decisão do plenário de enfermeiros a 20 de Fevereiro. A carência de enfermeiros é evidente. Existem 325 mil utentes inscritos para um total de 126 enfermeiros. São necessários cerca de mais 140 para dar resposta às reais necessidades dos utentes. Segundo a Direcção Executiva do ACES, estão perspectivadas 12 vagas para o próximo concurso e refere estar a ser negada, pela ARS de Lisboa e Vale do Tejo, a possibilidade de mobilidade/cedência de interesse público.

Mais... GREVE DOS ENFERMEIROS NOS CENTROS DE SAÚDE DE LISBOA NORTE

TRABALHADORES DO CASTELO DE SÃO JORGE EM GREVE AO TRABALHO EXTRAORDINÁRIO

TRABALHADORES DO CASTELO DE SÃO JORGE EM GREVE AO TRABALHO EXTRAORDINÁRIOA EGEAC não aprovisionou a contratação de trabalhadores para fazer ao aumento da carga horária sazonal do horário de abertura ao público, das 9 às 21 horas no período de Março e Outubro, do Castelo de São Jorge, que é o monumento mais visitado em todo o País. O Concelho de Administração desta Empresa Municipal de Lisboa relegou para os trabalhadores deste equipamento o ónus da responsabilidade de acolher os milhares de turistas através da utilização, abusiva e desapropriada do trabalho suplementar. 

Mais... TRABALHADORES DO CASTELO DE SÃO JORGE EM GREVE AO TRABALHO EXTRAORDINÁRIO

LUTA POR AUMENTOS SALARIAIS NA INCM

LUTA POR AUMENTOS SALARIAIS NA INCMOs trabalhadores da Imprensa Nacional Casa da Moeda estão hoje em greve, das 14 às 18 horas, e concentram-se frente à sede. Dão assim seguimento à luta pelo aumento dos salários, pelo cumprimento dos direitos consagrados no AE que a empresa quer destruir e contra promoções discriminatórias.  Esta acção integra a Quinzena de Acção e Luta que a Fiequimetal e os seus sindicatos estão a realizar de 23 de Fevereiro até 10 de Março.

GREVE NA MATUTANO PÁRA A PRODUÇÃO!

GREVE NA MATUTANO PÁRA A PRODUÇÃO!Os trabalhadores da Matutano estão em greve e concentrados à porta da empresa, no Carregado, que ainda não consegiu dar início aos turnos desta manhã. A mesma empresa que decidiu, unilateralmente, que algumas linhas da fábrica iriam passar a funcionar em laboração contínua num regime de quatro turnos, obrigando os trabalhadores a abdicar do seu regime de folgas ao sábado e domingo e fazendo-os cumprir horários que não permitem a conciliação entre a vida familiar e profissional, direito que a nossa Constituição assegura a todos os trabalhadores.

Os trabalhadores tinham decidido suspender esta greve, mas face à postura da Administração da empresa que recuou nas propostas e mudou de posição, os trabalhadores mantiveram a greve e responderam à empresa com uma forte adesão a esta forma de luta e que para já impediu o arranque das linhas de produção. A unidade destes trabalhadores, organizados no seu sindicato de classe (SINTAB), já teve frutos, demonstrando ao patrão que só haverá produção no trabalho com direitos.

Mais... GREVE NA MATUTANO PÁRA A PRODUÇÃO!

EDP APRESENTA LUCROS - TRABALHADORES EXIGEM AUMENTOS!

EDP APRESENTA LUCROS - TRABALHADORES EXIGEM AUMENTOS!A Fiequimetal e os sindicatos filiados estão neste momento a realizar uma concentração de trabalhadores da EDP, junto à sede da empresa, como forma de chamar a atenção para a contradição entre os chorudos resultados anuais, que ali vão ser apresentados, e os valores de miséria que a administração tem apresentado na negociação salarial. Os lucros que a EDP apresenta, como se salienta na nota de imprensa em que a Fiequimetal anuncia a concentração, foram obtidos à custa da exploração dos trabalhadores e das altas tarifas cobradas aos consumidores.

 

Mais... EDP APRESENTA LUCROS - TRABALHADORES EXIGEM AUMENTOS!

TRABALHADORES DA MATUTANO EM GREVE

TRABALHADORES DA MATUTANO EM GREVEOs trabalhadores da Matutano, empresa pertencente ao Grupo Pepsico, irão estar em greve no próximo dia 6 de Março de 2017. Os trabalhadores lutam contra a prepotência da administração da empresa que decidiu, unilateralmente, que algumas linhas da fábrica iriam passar a funcionar em laboração contínua num regime de quatro turnos, obrigando os trabalhadores a abdicar do seu regime de folgas ao sábado e domingo e fazendo-os cumprir horários que não permitem a conciliação entre a vida familiar e profissional, direito que a nossa Constituição assegura a todos os trabalhadores. Numa atitude prepotente a empresa esta a pressionar os trabalhadores para que estes aceitem esta alteração de horário. Além da realização da greve os trabalhadores irão concentrar-se à porta da empresa na quinta dos Cónegos no Carregado, pelas 9 horas.

GREVE NA LOGÍSTICA DA SONAE NA AZAMBUJA

GREVE NA LOGÍSTICA DA SONAE NA AZAMBUJAOs trabalhadores da logística da Sonae estão hoje em greve para exigir aumentos salariais e a progressão na carreira, o fim da precariedade e melhores condições de trabalho. O piquete de greve que se inciou às 8 da manhã, à entrada da empresa no Espadanal da Azambuja, contou com a participação do Secretário-geral da CGTP-IN, Arménio Carlos. A Sonae contínua sem dar resposta às justas reivindicações dos trabalhadores, particularmente no que se refere às categorias e carreiras profissionais, mantendo trabalhadores nos armazéns, com 10, 15, 20 e mais anos de casa, com salários de 565€ (aumento salarial em Janeiro 2017). Para o CESP é inaceitável esta recusa de valorizar a qualificação profissional dos trabalhadores, numa empresa com lucros de milhões. Há anos que as empresas de distribuição remetem para a associação patronal a correcção desta injustiça e esta afirma não ter a aceitação das empresas para poder discutir a alteração das categorias dos operadores de armazém no contrato colectivo de trabalho.

PLENÁRIO DE TRABALHADORES DA VALORSUL E DA AMARSUL DÁ INÍCIO A QUINZENA DE LUTA

Os trabalhadores da Valorsul e da Amarsul estão concentrados junto ao Dolce Vita Central Park, em Linda-a-Velha, de onde se deslocam para a sede da Mota-Engil, também naquela localidade, para realizar um plenário geral conjunto. Esta acção insere-se na Quinzena de Acção e Luta, que a Fiequimetal - Federação Intersindical das Indústrias Metalúrgicas, Químicas, Eléctricas, Farmacêutica, Celulose, Papel, Gráfica, Imprensa, Energia e Minas e os sindicatos filiados vão realizar entre 23 de Fevereiro e 10 de Março. A realização deste conjunto de acções tem por objectivo exigir respostas do patronato e do Governo a problemas que são comuns aos trabalhadores das indústrias, destacando-se o aumento geral dos salários, a defesa dos direitos, a melhoria das condições de trabalho, a redução do horário de trabalho para as 35 horas semanais e o fim dos vínculos precários.

SINTAF CONSIDERA CANDIDATO À COMPRA DO NOVO BANCO PREDADORA, NECRÓFAGA E ESPECULATIVA

SINTAF CONSIDERA CANDIDATO À COMPRA DO NOVO BANCO PREDADORA, NECRÓFAGA E ESPECULATIVAO SINTAF – Sindicato dos Trabalhadores da Actividade Financeira, reiterou junto da administração do Novo Banco a sua preocupação com negociações entre o Banco de Portugal e o fundo de investimento Lone Star, cuja actuação o sindicato considera que “demonstra claramente a sua génese predadora, necrófaga e especulativa e não augura nada de bom para os trabalhadores”. Na reunião do SINTAF com a administração do Novo Banco, o sindicato tomou conhecimento da segunda fase do plano de reestruturação do banco, com um novo programa de alienação de empresas do grupo, rescisões e reformas antecipadas, num total de 1500 trabalhadores, a ser concretizado até 30 de Junho deste ano.

Ler nota do SINTAF à comunicação social.

Mais... SINTAF CONSIDERA CANDIDATO À COMPRA DO NOVO BANCO PREDADORA, NECRÓFAGA E ESPECULATIVA

Está em... Home Acção Reivindicativa