A Luta Contra a Precariedade na RTP

Junto à sede da RTP, na Av. Marechal Gomes da Costa, cerca de 400 trabalhadores (locutores, jornalistas, tradutores, repórteres de imagem, entre outros trabalhadores) concentraram-se para denunciar a situação de precariedade existente na estação pública de televisão. Estão a recibos verdes mas ocupam postos de trabalho permanente e cumprem as mesmas tarefas que os colegas que pertencem aos quadros da RTP. A administração da RTP só quer considerar a integração de 130 trabalhadores e não dos 300 que se inscreveram no programa de regularização extraordinária dos vínculos precários na administração pública.

Está em... Home Acção Reivindicativa A Luta Contra a Precariedade na RTP