SUPERMERCADOS DIA E MINIPREÇO COM TRABALHADORES EM GREVE A 13 DE ABRIL

SUPERMERCADOS DIA E MINIPREÇO COM TRABALHADORES EM GREVE A 13 DE ABRILO aumento dos salários e o fim ao assédio e repressão aos trabalhadores são alguns dos motivos da greve que os trabalhadores dos supermercados Dia/Minipreço vão realizar a 13 de Abril. “Todas as reivindicações exigidas, desde o aumento dos salários até às condições de trabalho, passando pelas questões de assédio moral, foram ignoradas ou relativizadas pela empresa” informa o CESP – Sindicato do Comércio Escritórios e Serviços, num comunicado onde esclarece as razões para a marcação da greve.

 

O sindicato denuncia a “postura prepotente e arrogante” da empresa que impôs “limitações ao livre exercício da actividade sindical dentro da empresa”, ao mesmo tempo que “continua a não querer resolver as questões de discriminação salarial e de assédio moral que diariamente se verificam.

“O desrespeito pela vida pessoal e familiar dos trabalhadores, patente nos horários de trabalho é também um grave problema de assedio moral entre outros que deve ser resolvido urgentemente” refere o CESP.

Segundo o sindicato, a “empresa incentiva os responsáveis de loja a atribuir uma má avaliação aos operadores, chegando ao ponto de ordenarem a reavaliação quando a consideram muito boa”.

As reivindicações dos trabalhadores do Dia/Minipreço que levaram à marcação da greve são as seguintes:

- Aumento salarial de 40€ para todos;

- Subsídio de Alimentação de 6€;

- Horários regulados e que respeitem a conciliação com a vida pessoal e familiar;

- Correcção da injustiça na carreira profissional dos operadores de armazém;

- Livre exercício da actividade dos delegados sindicais com condições;

- Fim ao assédio, pressão e repressão aos trabalhadores.

Está em... Home Acção Reivindicativa SUPERMERCADOS DIA E MINIPREÇO COM TRABALHADORES EM GREVE A 13 DE ABRIL